Genética Brangus

Genética Brangus Sapé Agro

Tourinhos

Tourinhos

Bezerro com 10 dias. Bezerros com 5 dias. Creep Feeding Tourinhos Bezerros Bezerros
Dentro de seu modelo de produção baseado em diversificação, uma das principais atividades da empresa, e que vem ganhando destaque nos últimos anos, é a produção de genética Brangus para comercialização, com venda de touros e fêmeas da raça.

A produção de genética é conduzida com grande seriedade pela equipe, principalmente por se tratar de um produto com potencial para gerar grande impacto no sistema produtivo dos clientes da Sapé Agro. Além disso, atualmente é a única das atividades da empresa que permite a diferenciação do produto, fazendo com que a equipe se esforce ao máximo para desenvolvê-la, agregando valor ao sistema produtivo pecuário próprio e dos clientes.

Para provar a qualidade dos animais brangus produzidos pela Sapé Agropastoril, a empresa utiliza o programa Geneplus, administrado pela Embrapa Gado de Corte. Veja mais detalhes sobre a ferramenta de seleção:

"O programa Geneplus, é uma ferramenta de seleção cujo efeito principal é o Melhoramento Animal de todo rebanho.

As informações obtidas a campo nas fases de reprodução, nascimento, desmame, sobreano e abate são organizadas em um banco com aproximadamente 250.000 dados, que teve seu inicio há 16 anos. Todos animais são classificados pelo seu desempenho considerando também a qualificação de seus pais e avós.

A Sapé Agro  desde 2007 tem os dados de seu rebanho analisado neste banco de dados e usa o resultado de cada análise para identificar seus reprodutores, com ênfase nas fêmeas, isto é, matrizes neste rebanho somente as que possuem credencial conforme o nível de exigência estabelecida pelo time técnico e com aval do proprietário.

Além da análise das DEPs (diferença esperado na progênie), informações de curral permite de modo prévio filtrar algumas características, por exemplo: jamais é utilizado no rebanho filhas de vacas que aos 210 dias de idade seu peso for abaixo de 40% do peso de sua mãe e também animais com 3 ou menos de conformação frigorífica, que expressa o potencial aparente da própria carcaça pronta acabada nas fases de desmame (7 meses) e ao sobreano (13-14 meses).

A análise dos dados no Geneplus a cada safra permite conhecermos as vacas com desempenho insatisfatório. Aproximadamente 10% das vacas prenhes são indicadas para descarte após o parto por apresentar o Índice de Qualificação Genética inferior - estas são destinadas para o lote de descarte e após o desmame seguem para o abate, junto com as poucas vacas que não tiveram êxito em sua gestação. O mesmo ocorre com as vacas e novilhas que após passarem pela IATF e Repasse com touro Brangus não fecundaram.

Temos como ponto principal a eficiência reprodutiva e produtiva, isto é, nossas vacas precisam desmamar 1 ótimo bezerro anualmente. Após este primeiro filtro é que observaremos as qualificações dos machos para indicar os candidatos a touro e as novilhas como futuras matrizes.

Somente após cumprirem requesitos básicos de seleção por eficiência é que apresentamos os animais para inspeção do técnico da Associação Brasileira da Raça Brangus. Jamais temos o registro como um impedimento para a manutenção de uma vaca em nosso rebanho, isto é, precisa provar que é merecedora de ser matriz na fazenda Sapé.

Na safra 2014, específicamente, iniciou-se o processo de multiplicação de genética TOP pelo método de FIV – Fertilização In-vitro. São vacas com 3/8 de sangue zebu (Nelore e/ou Brahman) e 5/8 de sangue europeu( Aberdeen Angus – preto ou vermelho) de melhores qualificações, que serão aspiradas, tendo seu acasalamento realizado com touros renomados das principais centrais do Brasil. Esses embriões serão implantadas em vacas que seriam descartadas do rebanho, sendo utilizadas somente como barrigas de aluguel. A evolução desse sistema consiste na compra de novilhas para a implantação desse embrião, engordando-as para abate após a desmama dos bezerros, ganhando-se assim duas vezes no processo, com o embrião e com a carne.

O uso da tecnologia é uma marca em todos aspectos dos diversos sistemas de produção da SAPÉ AGROPASTORIL LTDA. Seu rebanho é todo identificado com chip intra-ruminal e controlado através de softwares de gestão de rebanho. Atualmente a empresa já desponta como fornecedor de genética do estado do Mato Grosso do Sul, tendo seus produtos presentes desde o Pará até o o Sul do Brasil, também com vendas em 2012 e 2013 para Bolívia, Venezuela e Paraguai.

Editor: Artur H. L. Falcette

Colaboraram para o texto:

Luiz H. M. Schiavo - Sapé Agro
Mario Luiz Pompeo - Pec 2 Consultoria Agrop. Ltda
Sapéagro

ROD MS 462 KM 15, s/n | Zona Rural - 79150-000 | Maracaju - MS

Desenvolvido por: Youzoom Soluções Web